Roteiro em Barcelona: Um domingo sensacional passeando por Montjuïc

Domingo é aquele dia de lazer família e se tiver um tempo bom, a melhor coisa de se fazer é dar um passeio ao ar livre. E o passeio fica 2x melhor se for na colina de Montjuïc, a maior área de lazer de Barcelona.

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic

Toda aquela colina é o Parc de Montjuïc, e dentro dele tem muitas atrações turísticas, como o Castell de Montjuïc, El Poble Espanyol, Fundació Joan Miró, Museu Nacional d’Art de Catalunya, Anella Olímpica de Montjuïc, Estadi Olímpic Lluís Companys, a apaixonante Font Màgica e mais um montão de atrações, mas vou explicando com calma para não ficar nenhuma dúvida.

A primeira coisa que devemos saber é como chegar.

Descemos na estação de metrô Paral.el e de lá fazemos uma conexão para o funicular. Aliais, eu não sabia o que era um funicular, até precisar pegar um. Nada mais é do que um “metrôzinho” que vai em um trilho, porém subindo.. tipo na ladeira sabe?

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic-funicular

Chegando lá, pegamos o Telefèric de Montjuïc que leva direto para o Castell de Montjuïc. Custa  €9 o ticket ida e volta e €6,50 trecho individual. E você compra nas maquininhas que tem na estação mesmo.

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic-teleferico

Chegando no castelo você terá uma visão de 360º da cidade de Barcelona. Muito bonito mesmo. O castelo foi construído no século 18 nas ruínas de uma base militar. Fica a 173 metros de altura do Porto. Agora, um lugar de paz, a memória desta fortaleza resiste em Barcelona como um símbolo de repressão, mas também de lutas da cidade durante diferentes períodos da sua história.

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic-castelo

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic-vista-porto

A vista é incrível

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic-castelo-2

Voltamos para o teleférico e seguimos a pé mesmo (uma caminhadinha) para a Fundació Joan Miró – dica aqui heim: no jardim do museu tem sinal wi-fi que funciona bem bacana. hehe. Lá tem um acervo grande de pinturas, esculturas e tapeçarias do artista catalão Joan Miró. Uma das características fortes do artista são as cores intensas em suas peças. Custa €11 e o áudio guia mais €2, se não me engano.

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic-fundacao-miro

Infelizmente não pode tirar fotos lá dentro, então o que você vai conseguir fotografar são algumas esculturas no 2º andar e vários alunos de arquitetura, desenho e design esboçando essas esculturas ao ar livre.

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic-fundacao-miro-2

Continuando nossa descida, chegamos ao complexo olímpico de 1992. O circuito olímpico (Anella Olímpic)  inclui o Estadi Olímpic Lluís Companys e o Palau Sant Jordi, com um arquitetura no mínimo curiosa.. lembra um disco voador.

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic-estadio-olimpico

Do outro lado, já dentro do estádio. Para ter essa vista, você não paga nada para entrar.

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic-estadio-olimpico-3

Momento foto jacu hahaha.

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic-estadio-olimpico-2

A pira olímpica, onde acenderam a tocha, sabe?

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic-estadio-olimpico-4

Descendo mais ainda, paramos para ver a belezura que é Museu Nacional d’Art de Catalunya, que abriga o mais valioso acervo artístico da cidade, com obras de El Greco, Velázquez e Zurbarán.

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic-museu-catalunya

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic-museu-catalunya-2

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic-museu-catalunya-3

Por fim, você ainda tem essa vista para a Font Màgica, que eu conto em detalhe em um outro post.

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic-museu-catalunya-fonte-magica

Ah, também conto no próximo post sobre o Poble Espanyol, uma “aldeia” com praças e ruas de pedra criada em 1929 para ilustrar os diferentes estilos arquitetônicos do país.. é incrível! 🙂

Comentários

Você pode gostar

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. * Campos obrigatórios.

Você pode usar estas tags HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>