Autor: Alexandre Lima

A aproximadamente oitocentos quilômetros de Salvador, Trancoso é um dos melhores pontos para dar início à exploração do litoral baiano. Suas diversas opções de hospedagem e gastronomia deu uma fama internacional ao pequeno vilarejo. Exatamente por isso que o conjunto de praias de Trancoso formam um dos destinos baianos mais procurados por pessoas de todo o mundo. Diferente de outros locais mais populares, a cidade mistura com sucesso o hippie e o chique em meio às belezas naturais.

blog-do-xan-guest-post-trancoso-0

         Das mais selvagens às mais agitadas, as praias de Trancoso prometem agradar visitantes de todos os gostos. Mas a pequena cidade também conta com outras atrações: festas, shoppings, bares e restaurantes com a mais tradicional comida baiana podem ser facilmente encontrados no Quadrado. Conheça aqui alguns dos pontos imperdíveis para quem quer passar por Trancoso.

Chegamos no aeroporto de Orly em Paris e estávamos totalmente perdidos. Foi quando passamos no bom e velho balcão de informações turísticas. E foi lá que encontramos o melhor atendimento do mundo. Cara, eu queria muito lembrar no nome do atendente, mas infelizmente não marquei. Para este post vamos apenas chamá-lo de Atendente Bienvenue à Paris. Mas foi ele quem nos orientou sobre a cidade, falou de transportes e também nos vendeu os bilhetes para o Palácio de Versailles.

blogdoxan-aeroporto-orly-paris-informacoes-turisticas
Fotografia por alfie0703 no Flickr

Primeiro que o Atendente Bienvenue à Paris, consegue te atender em 5 línguas, isso inclui o português - de Portugal - e explica tudo tim tim por tim. De lá saímos com 5 certezas:

[divider divider_type="colored"][/divider]

1. Que o melhor bilhete para aproveitar o transporte de Paris é o Paris Visite, que compramos ali mesmo. Ele foi criado para os turistas e permite usar para se transportar pelo centro, subúrbios e aeroportos de Paris. Com ele você pode pegar o metrô, ônibus, trem, o bondinho de Montmartre, ir a Disney (zona 5), ir a Versailles (zona 4), pegar RER ou o Roissybus no Charles de Gaulle (zona 5), pegar o Orlybus em Orly (zona 4). Quanto? Pagamos €48.40 para 5 dias e permite ir das zonas 1/6. Mais informações aqui.

Nossa maior preocupação ao incluir Paris na nossa Eurotrip mão de vaca econômica era os valores dos hotéis e a dificuldade de encontrar quartos disponíveis em albergues. Mas queríamos ver a Torre Eiffel, comer um autêntico macaron Ladurée e também dar um "oi" pro Mickey francês e, depois de muita busca, encontramos um apartamento baratinho para ficarmos os 5 dias na capital francesa.

blog-do-xan-franca-paris-apartamento-airbnb

contei aqui no blog como foi nossa experiência com o site Airbnb, quando alugarmos um apartamento em Barcelona. Em Paris não foi diferente. Só que aqui, meu medo maior era a língua. As únicas coisas que sabíamos falar em francês era abajour, croissant e toilet.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit sed.

Follow us on
AllEscort