Image Alt

Autor: Alexandre Lima

No mesmo dia em que estávamos visitando Montijuïc - que eu já falei aqui - aproveitamos para almoçar e conhecer o Poble Espanyol, uma "aldeia" com praças e ruas de pedra criada em 1929 para ilustrar os diferentes estilos arquitetônicos da Espanha. Posso falar? O lugar é incrível e parece que estamos em um cenário de um filme de época.

blog-do-xan-espanha-barcelona-poble-espanyol

O Poble Espanyol é um grande museu arquitetônico a céu aberto no complexo da Colina de Montjuïc (Avinguda Francesc Ferrer i Guardia, 13). Estávamos famintos e tínhamos lido em algum guia que este lugar teria ótimos restaurantes, por isso decidimos entrar para ver o que que pegava lá dentro.

Domingo é aquele dia de lazer família e se tiver um tempo bom, a melhor coisa de se fazer é dar um passeio ao ar livre. E o passeio fica 2x melhor se for na colina de Montjuïc, a maior área de lazer de Barcelona.

blog-do-xan-espanha-barcelona-montjuic

Toda aquela colina é o Parc de Montjuïc, e dentro dele tem muitas atrações turísticas, como o Castell de Montjuïc, El Poble Espanyol, Fundació Joan Miró, Museu Nacional d'Art de Catalunya, Anella Olímpica de Montjuïc, Estadi Olímpic Lluís Companys, a apaixonante Font Màgica e mais um montão de atrações, mas vou explicando com calma para não ficar nenhuma dúvida.

Estávamos no começo de setembro e o sol ainda estava a nosso favor, por isso aproveitamos um dos dias para conhecer Barcoloneta, uma das praias mais famosas de Barcelona.

blog-do-xan-espanha-barcelona-barceloneta

O que temos que levar em consideração ao visitar Barceloneta é que, por ser a mais famosa consequentemente é a mais popular. Talvez por ser a mais próxima do Centro, atraindo tanto pessoas que queiram tomar um solzinho, como aqueles que querem apenas fazer uma caminhada pelo calçadão e aproveitar para tomar uma cerveja nos "quiosques" dali (um outro programa bem gostoso).

Continuando o roteiro por Barcelona, nosso próximo passeio foi conhecer mais uma obra que tem o dedo de  Antoni Gaudí, o famoso - e monumental - Parc Güell.

blog-do-xan-espanha-barcelona-parc-guell

O acesso ao Parque Güell é um pouquinho mais complicado do que os outros pontos turísticos que estamos acostumados a ir. A estação de metrô mais próxima é a Lesseps, que fica na Linha Verde, L3. Mas prepare-se para dar uma caminhada bacana – para não dizer lazarenta – de mais ou menos 20 minutos. E chegando perto, nos últimos 200 metros, tem uma subidinha que vai te fazer cansar, certeza! Meu conselho: saindo do metrô, pegue um táxi ou para os mais econômicos (como yo!) pode pegar os ônibus das linhas 24 ou 92. Ah, e se fechou o Barcelona Bus Turístic, relaxa, curta a vista e desça na parada Park Güell.

Começamos cedo o segundo dia em Barcelona. Primeiro preparamos um café sensacional em nosso apartamento (cof cof.. rs) e seguimos para conhecer o ponto turístico mais emblemático da capital da Catalunha: a Sagrada Família  que teve um post especial dedicado somente a ela.

Na verdade reservamos este segundo dia para conhecer a vida e as obras de Antoni Gaudí, famoso arquiteto catalão e símbolo da cidade de Barcelona. Saindo da Sagrada Família, voltamos para o metrô e descemos na estação Passeig de Gracia. A avenida Passeig de Gracia é uma das avenidas mais importantes de Barcelona - se não for a mais importante, pelo menos é comprovado que é a mais cara da Espanha (!). É lá que você vai encontrar as lojas das maiores grifes do mundo, Louis Vuitton, Ferrari, Rolex, Ermenegildo Zegna, Swarovski e mais um montão de marcas.

blog-do-xan-espanha-barcelona-louis-vuitton-passeig-de-gracia

É lá também que você vai conhecer duas grandes obras de Gaudí, uma dela é a Casa Milà, também conhecida como La Pedreira. Esta "casa-obra" foi encomendada para Roger Sigimon Milà e também é parte do Patrimônio Mundial da UNESCO.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit sed.

Follow us on